Categoria ‘Brincadeiras divertidas’

PostHeaderIcon Vamos brincar de fazer bolhas de sabão!

Para se fazer bolhas sem arder os olhos e sem dificuldades, uma boa dica é substituir o sabão pelo shampoo infantil, pois além do shampoo fazer bolhas com mais facilidade, ele não irrita os olhos quando elas respingam no estourar.

Para realizar a brincadeira Você apenas precisará de um copo com água, shampoo infantil (que não arda nos olhos) e um canudinho. Obviamente existem os brinquedos industrializados, como podemos ver na imagem da garotinha acima, porém não há necessidade de comprar um “profissional”, basta um pouco de criatividade para chegarmos ao mesmo resultado ou melhor.

Pegue o copo, encha-o de água e coloque aproximadamente uma colher (sopa) de shampoo infantil dentro da água. Mecha bastante com o canudinho e depois assopre a ponta (limpa) para sair às bolhas.

Você não deve assoprar muito forte, pois se assim o fizer as bolhas irão estourar. Lembre-se que quanto mais devagar você assoprar, maior será o tamanho da bolha ou a quantidade das mesmas.

Devemos prestar ATENÇÃO para não ao invés de assoprar o canudinho, chupar como se fosse um suco, não se esqueça que a água está com um produto químico que pode fazer muito mal ao seu organismo ao ser ingerido.

bolhas-de-sabao

PostHeaderIcon Ajude o menino a encontrar o seu carrinho através do labirinto

menino-carrinho

PostHeaderIcon Vamos fazer um arco-?ris

O céu, quando chove, é pesado, escuro, cinzento.
E quando brilha o sol, é claro e sereno.
As vezes pode acontecer que chova e faça sol ao mesmo tempo.
Então, como que por magia,
No céu aparece um lindo arco de sete cores.

O arco-íris só aparece
quando a luz do sol se encontra com as gotas da chuva.
Nós vemos a luz do sol branca,
mas é formada por sete cores:
vermelho, laranja, amarelo,
verde, azul, anil e violeta.
Quando a luz solar bate nas gotas de chuva
as cores misturadas separam-se
e aparece o arco-íris.

Mas se o dia for de sol brilhante
Você pode fazer seu próprio arco-íris.
Pegue a mangueira do jardim e deixe cair uma chuva fininha.
Então fique de costas para o sol e olhe para o jato de água.
Viu que lindo arco-íris?

arco-iris
Você pode usar esse arco-íris como papel de parede para o seu micro.

PostHeaderIcon Brincar de amarelinha

O jogo consiste em pular sobre um desenho riscado com giz no chão, que também pode ter inúmeras variações. Em uma delas, exemplificada na figura a cima, o desenho apresenta quadrados ou retângulos numerados de 1 a 10 e no topo o céu, em formato oval.


Tira-se na sorte quem vai começar. Cada jogador, então, joga uma pedrinha, inicialmente na casa de número 1, devendo acertá-la em seus limites. Em seguida pula, em um pé só nas casas isoladas e com os dois nas casas duplas, evitando a que contém a pedrinha.

Chegando ao céu, pisa com os dois pés e retorna pulando da mesma forma até as casas 2-3, de onde o jogador precisa apanhar a pedrinha do chão, sem perder o equilíbrio, e pular de volta ao ponto de partida. Não cometendo erros, joga a pedrinha na casa 2 e sucessivas, repetindo todo processo.

Se perder o equilíbrio, colocando a mão no chão ou pisando fora dos limites das casas, o jogador passa a vez para o próximo, retornando a jogar do ponto em que errou ao chegar a sua vez novamente.

Ganha o jogo quem primeiro alcançar o céu.

Em uma outra versão, mais complexa, o jogo não termina aí. Quem consegue chegar ao céu vira de costas e atira a pedrinha de lá. A casa onde ela cair passa a ser sua e lá é escrito o seu nome (caso não acerte nenhuma, passa a vez ao próximo jogador). Nestas casas com “proprietário”, nenhum outro jogador pode pisar, apenas o dono, que pode pisar inclusive com os dois pés.

Nesta versão, ganha o jogo quem conseguir ser dono da maioria das casas.

Wikipedia.org

PostHeaderIcon Peteca

peteca
Da tradição antiga a Pe’teka, do tupy, na qual significa a arte de bater, tem sua origem totalmente brasileira. Uma brincadeira que passa de geração à geração persistindo até hoje nas brincadeiras infantis e até em competições olímpicas.

De Lilian Hellmann – Brinquedos artesanais

PostHeaderIcon Brinquedoteca

Em prédios e condomínios, não há desculpas para não disponibilizar às crianças pequenas uma brinquedoteca. Geralmente, em espaços a partir de exíguos 4 metros quadrados já é possível criar um espaço lúdico para crianças.

Como quase tudo na vida, existem opções para todos os bolsos e gostos. Porém, mesmo a mais econômica delas pode tornar um espaço sem vida e inutilizado de um condomínio em um local agradável para as crianças e que pode ser utilizado o ano inteiro, ao contrário dos playgrounds externos, sempre sujeitos às variações climáticas.

O salão de jogos é um bom local para abrigar uma pequena brinquedoteca e deve ser formulado pensando em atender às mais diversas faixas etárias, contando com uma decoração atrativa e com elementos confortáveis, mas também duráveis e resistentes à garotada.

Esse investimento pequeno ajuda a preservar outras áreas comuns e evitar corre-corre e algazarras pelos halls, corredores e escadas – assunto problemático em boa parte dos condomínios.

Algumas idéias para brinquedotecas:

playroom-decorating-ideas

element-playroom

habitacion-infantil

Mais informações no site: coresdacasa.blogspot.com/search/label/Brinquedoteca

PostHeaderIcon Como fazer pernas de pau

Quem já brincou de perna de pau nunca mais se esquece, é uma brincadeira muito divertida. Aqui deixamos uma dica fácil para fazer pernas de pau:

O material mais prático e fácil de ser usado é a madeira, pode ser usado o pinho, cedrinho ou outra madeira da sua região, desde que não possua nó.
Geralmente as madereiras vendem sarrafos 2,5 cm x 2,5 cm x 5,70 m, que são os ideais para pernas de pau para crianças, visto que são leves para manusear.

Para crianças maiores, o sarrafo pode ser cortado a meio, ficando com 2,70m de altura, para as menores ele pode ficar em torno de 1,50m.

Para 0 suporte do pé, você pode pedir na madeireira 2 retalhos de madeira e corta-los em cunha como no desenho abaixo.

Parafusos são ideais para fixar o suporte do pé. A altura do suporte até o chão pode ficar em 30cm.

É importande lixar a madeira para a criança não se machucar com as farpas da madeira.
perna-de-pau
Para começar a andar, é aconselhavel ficar marchando no mesmo lugar por um tempo até adquirir equilíbrio e as pernas se acostumarem.  Em caso de desequilíbrio, tente sempre cair para frente usando as mãos para amortecer a queda.

Alcemir Rosa da cidade de Frederico Westphalen – Rs, é o recordista em andar na maior perna de pau do Brasil, com 6 m de altura.

Alcemir tem como hobby andar em pernas de pau desde os 8 anos de idade. Começou com alturas de 30 cm, como morava no interior, usava como meio de transporte para ir ao colégio e seus colegas acabaram aderindo seu meio de locomoção para não “embarrar” os pés nos dias de chuva, mas muitas vezes se desequilibravam e chegavam na escola “embarrados” por inteiro. Com o passar do tempo, criaram um desafio para ver quem andava com a perna de pau mais alta, mas chegou certa altura onde seus colegas não conseguiram continuar, foi quando o recordista começou seu desafio aumentando gradativamente.

pernadepau
Alcemir Rosa